Amigos e Amigas sempre por aqui:

terça-feira, 30 de junho de 2015

Lucíola.


 Esse livro estava na estante do meu filho que teve que ler quando estava no colégio, como não tinha lido nada de José de Alencar, me propus a ler para o desafio do skoob. Gostei muito, principalmente de como o autor retratou a época, o envolvimento de Paulo e Lúcia e os caminhos a história iria tomar.
Trechinho fofo do livro:
"Eu te amei desde o momento em que te vi! Eu te amei por séculos nestes poucos dias que passamos juntos na terra. Agora que a minha vida se conta por instantes, amo-te em cada momento por uma existência inteira. Amo-te ao mesmo tempo com todas as afeições que se pode ter neste momento. Vou te amar enfim por toda a eternidade."

Sinopse:
Na melhor tradição romântica, Lucíola é um livro onde se debatem paixões tórridas e contraditórias. O amor que não resiste às barreiras sociais e morais. Assim é o romance da bela Lúcia, a mais rica e cobiçada cortesã do Rio de Janeiro, e Paulo, um jovem modesto e frágil. Um romance que sacode a corte e provoca um excitado burburinho na sociedade. De um lado a mulher que, sendo de todos, jurava não prender-se a nenhum homem, de outro o homem em dúvida entre o amor e o preconceito.José de Alencar utiliza este instigante argumento para descrever a enorme atração física entre um homem e uma mulher. A pena moralizadora do escritor busca a idealização espiritual da prostituta que quer se modificar e a alma pura de Paulo cuja amor arrebatador supera todas as barreiras. Lucíola é um dos mais curiosos trabalhos de José de Alencar. Há nele um clima de sensualidade constante combinado com o ardor e sofrimento, bem no clima da literatura romântica que predominava na segunda metade do século passado quando foi escrito este romance.

3 comentários:

msgteresa disse...

Olá,querida Lúciana!
Sabe que durante a minha adolescência,li muitos livros do José de Alencar? Mas acho que "Lucíola" foi um dos poucos dele que eu ainda não li, e achei a estória muito interessante e bem diferente das outras escritas por ele, como em "Iracema", "Senhora","A Viuvinha", "A Pata de Ganzela" e "Cinco Minutos",todos livros no melhor estilo romântico daquela dourada época. Agora, confesso que fiquei curiosa para ler mais este lindo romance...Vou adicioná-lo à minha lista !!!
Beijo grande pra ti e obrigada por compartilhar mais esta linda leitura conosco!!!
Teresa
("Se essa lua fosse minha")

Pepa disse...

Oi Luciana, é a Vi, não me lembro de ter lido, mas possivelmente eu li, porque era obrigatório na escola.
Mas vou ler de novo.
Gostei da sua resenha.
Agradeço o carinho lá no Tacho pelo meu aniversário.
Beijos,Vi

Pepa disse...

Oi Luuuuuuuuuuuuuu !!!

Oi nóis aqui travêis, rsrsrsrs
Eu nunca li Luciola, acho que nunca gostei desses romances na juventude, mas agora até me interessei, srrsrsrs vou procurar na biblioteca !!!

Quero te dizer muito obrigada por seu carinho e presença no blog em 2015, esperando que em 2016 eu possa contar contigo também !!!

Bjus 1000 querida

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...