Amigos e Amigas sempre por aqui:

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Desafio...



Oi Meninas! 
Desculpa o chá de sumiço, meu filho está melhorando, graças à Deus.
Vamos movimentar o nosso blog, somos em 10, precisamos cuidar dele.
Bem, eu lembro de ter contato com livros na infância, mas não lembro de ter lido. Lembro de um livro do Monteiro Lobato que tinha o Minotauro na capa e também um outro com um pintinho... mas só.
Quando entrei na adolescência é que realmente lembro de começar a ler, por volta dos 13 anos. Um livro que lembro que gostei muito e me marcou nessa fase foi o "Feliz Ano Velho", do Marcelo Rubens Paiva.
O livro é uma autobiografia, ele fala do acidente que aconteceu em sua vida aos 20 anos, da vida que levava, do que foi acontecendo depois disso. Tem uma linguagem jovem e cheia de humor, acho que por isso me marcou tanto. Um jovem bonito que teve que superar os obstáculos com a ajuda  da família e amigos.

Bjos,


5 comentários:

patty disse...

Oi Lú. Lembro que todo mundo comentava esse livro, por isso não li! Eu sou terrível, né?
Sugiro que vc intime a próxima guria para participar! Bjs.

msgteresa disse...

Querida Lú!
Que legal! Eu já li este livro também,quando tinha mais ou menos a tua idade,na adolescência. E até hoje me lembro bem dele... A estória é realmente bonita e um exemplo de superação e esperança na vida. E era tudo contado com um jeito leve e bem humorado, apesar da tristeza envolvida... Inesquecível mesmo.
E fico contente que o teu filho já esteja bem melhor... Estes dias os meus meninos também andaram com um forte resfriado e tiveram até que faltar as aulas...Coisas da vida e da mudança do tempo!
Achei ótima esta idéia desse "Desafio"... Tão bom lembrar coisas boas e que marcaram as nossas estórias!
Beijo grande pra você,querida amiga!
Teresa

Adelaide Araçai disse...

Lú eu li, reli e amo a história de vida dele e da família, o que me levou a le-lo também na minha aborrescencia, foi o fato do pai dele ter "sumido" durante a ditadura - papai nos contava tudo, criou-nos rebeldes com causa. E ao saber que os militares o retiraram de sua casa para conversar e nunca mais se teve noticias dele, meu pai fez com que eu desejasse ler o que aconteceu com o filho deste. Tenho este livro em meu acervo particular....é um dos poucos que mantenho....amarelo, velho e muito lido.

Abraços

Natália Guimarães disse...

Parece ser emocionante, superação!
Melhoras pro seu filho. Aqui em casa ninguém escapou da gripe!
Beijos

lenalima disse...

Deve ser bom , não li ...e últimamente não estou gostando de ler mais os livros com epsódios tristes, sei lá o porque!
abraços a todas!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...